Você corretor de imóveis precisa entender que para uma comunicação mais direta com seu cliente, existem 5 elementos que precisam ser respeitados. Mais abaixo vou contar quais são, mas antes precisamos entender que uma das causas mais comuns para o desapontamento em relação ao desempenho de um profissional de venda origina-se das armadilhas da comunicação verbal.

Dois princípios básicos de comunicação são valiosos para ajudar a entender a importância de uma comunicação clara: De toda informação recebida, aproximadamente 70% são filtradas ou distorcidas pela pessoa que está ouvindo; o conteúdo de uma mensagem não pode ser transferido de uma mente para outra somente por palavras.

Portando corretor não fale qualquer coisa no atendimento, fale com propriedade pois o que você diz é o que isso significa exatamente para seu cliente são duas questões distintas. Qualquer expressão que você use pode ser mal interpretada pelo “interlocutor”. Portanto é suas responsabilidade, ao dar instruções de qualquer natureza tenha cuidado para saber se está sendo compreendido.

Criamos esse canal de comunicação chamado IVV, para você poder dar as instruções por escrito para seu cliente (Copiando e Colando o link), pois isso tornará mais fácil a maneira de orientar seu cliente. Mas, é inevitável que você se comunique verbalmente, a maioria das informações no dia a dia, sendo assim, vamos dar algumas dicas que podem ajudar você e evitar equívocos.

Pode parecer meio óbvio, mas, se você respeitar esses elementos, você terá mais sucesso.

OS 5 ELEMENTOS PARA UMA PERFEITA COMUNICAÇÃO
1 – EMISSOR = Aquele que emite a mensagem
2 – RECEPTOR = Aquele que recebe a mensagem
3 – MENSAGEM = Aquilo que é emitido e recebido
4 – MEIO = O “veículo” que propaga a mensagem
5 – CÓDIGO = A linguagem usada para enviar a mensagem

Alguns passos que você pode seguir são:

Passo 1: Controle sua ansiedade. Não seja aquele que SABE TUDO, que interrompe o cliente quando o mesmo está falando. “Sintonize-se” para que haja uma troca de palavras. Sorria. Reclame, quando necessário. Reaja. Mas sempre com bom-senso.

Passo 2: Pense no que vai falar. Alguns poucos segundos gastos para colocar suas ideias em ordem produzem um efeito maravilhoso nas palavras que você pronuncia e nas pessoas que as ouvem.

Passo 3: Preocupe-se também com a linguagem não-verbal. Para evitar interpretações equivocadas a respeito do que você está dizendo, olhe de frente para as pessoas com quem conversar. Fale alto o suficiente para que todos os ouçam.

Fica a dica! 🙂

As pessoas mandam muitos sinais não verbais quando falam de assuntos que consideram importantes. Aprenda a conhecê-los para poder entender as prioridades de cada interlocutor e ir direto ao ponto quando responder.