fbpx
O que e cub?

O que é CUB? Lei nº 4.591/64

Quando estamos para comprar um imóvel que esteja na planta ou em construção, existe uma palavra que muitos profissional da área costumam falar para seus clientes “As parcelas é corrigida pelo CUB”. Mas, o que é isso realmente?

Essa pergunta muita das vezes fica na cabeça do cliente, e nós vamos explicar aqui o que significa.

Resumidamente falando, o CUB é um índice utilizado por construtoras do mercado imobiliário de vila velha e utilizado para corrigir suas parcelas durante a obra. Ou seja, o custo de obra, para construir a unidade adquirida, sabemos que o cimento comprado hoje é um preço, e daqui alguns meses será outro preço, assim como o ferro, piso, torneiras, etc…

Como sabemos que um prédio não se constrói com 1 mês, precisamos entender que o CUB é um indicador monetário que mostra o custo básico da engenharia civil. Seu objetivo básico é padronizar o mercado de incorporação imobiliária, como parâmetro para determinar o custo da construção do empreendimento.

Quais são esses custos?

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) define a norma para o cálculo do CUB na engenharia civil por meio da NBR 12721: 2006.
Para realizar os cálculos do CUB, os seguintes itens devem ser considerados:
materiais de construção, mão de obra e equipamentos.

Os materiais de construção incluem concreto, cimento, fechaduras, areia, vidro e outros itens. Os serviços de mão-de-obra avaliados incluem os serviços de pedreiros e empregados.

Quanto aos equipamentos, por exemplo, você pode considerar o aluguel de uma betoneira de 320 litros e demais equipamentos necessários. De acordo com cada item, os itens que devem ser avaliados especificamente não fazem parte da composição do CUB.

Ele existe desde a década de 1960 e teve e até hoje tem um grande impacto no mercado imobiliário porque ajuda a equilibrar um dos componentes mais importantes da composição de preços do mercado.

Entender de fato o que é CUB vai além da construção civil, pois seus dados também fornecem indicadores macroeconômicos, como a inflação. Isso porque o CUB resume as variações de preços relacionadas aos produtos e serviços necessários à atividade e também interfere na precificação dos imóveis.

A CUB foi criada pela Lei nº 4.591/64 para equilibrar a formação de preços no mercado imobiliário. Este indicador pode estimar com mais precisão o custo do projeto.

Portanto, esse cálculo apoia o mercado de incorporação imobiliária ao atuar como parâmetro para apuração dos custos de construção.


Depois de ter feito a leitura desse conteúdo sobre CUB, e ainda preferir comprar um imóvel pronto. Dá uma olhadinha no botão abaixo

Separamos algumas oportunidades para você olhar com carinho…

Patrocínio

INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO

CONVERSE COM A GENTE…

DESTAQUE IMOBILIÁRIO

VEJA NOSSAS REDES SOCIAIS

QUERO VENDER MEU IMÓVEL

NOVO BAIRRO EM VILA VELHA

Costa Nova